Home / Destaque / Opinião: Valorizando cada Planta, por Flávio Marques

Opinião: Valorizando cada Planta, por Flávio Marques

 

Apesar de se estar vivendo o boom da Agricultura Digital, aprendendo a lidar com sensores, big data, drones e tantas outras tecnologias, ainda hoje há o que avançar em um dos pontos mais elementares da agricultura; a semeadura. Há 12 mil anos, desde que o homem percebeu que algumas sementes germinavam quando propositalmente plantadas, se aprendeu a arte de semear. E, mesmo que se tenha evoluído consideravelmente desde então, é possível ver, com certa recorrência, muitos plantios sendo realizados abaixo da qualidade desejada.

Em solos arenosos ou argilosos, com ou sem déficit hídrico e independente da genética, perde-se potencial produtivo por erros cometidos já no estabelecimento da cultura. Pior, a adoção do arsenal da Agricultura 4.0 terá efeito muito reduzido se antes não for assegurado que toda semente resultará em uma planta na lavoura! Pelo que se sabe não existe nada capaz de compensar o prejuízo causado por uma falha no plantio. Ou, por uma ocupação ruim do solo.

Por isso que é preciso lembrar que é necessário, antes de mais nada, semear com perfeição. Depositar cada semente no solo com a máxima precisão possível. Como fazer isso? Com uma gestão muito bem feita! O processo de plantio é como montar um castelo de cartas. É preciso paciência, planejamento e muita atenção para os mínimos detalhes. Qualquer movimento errado desmorona o que foi feito, no todo ou em partes. E o resultado? Retrabalho ou deixar de ganhar mais. E com os preços que estão os insumos, por exemplo, um ajuste errado na plantadeira, pode fazer uma grande diferença no orçamento geral.

Gestão da equipe, da operação de plantio, das máquinas, são atitudes importantes no planejamento da safra, de modo a garantir que toda semente resulte em uma planta, apta a produzir a colocar dinheiro no bolso do agricultor. E quanto mais treinada estiver a equipe e certificadas as máquinas para plantio, melhor será o resultado. A experiência de campo já demonstrou que um percentual muito significativo das plantadeiras precisa de ajustes em todas as suas partes, pois frequentemente quando revisadas pela equipe da Geração Agro, apresentam discrepâncias que prejudicam o bom plantio. E não é só regular. É o que e o como fazer esta tarefa. E tudo o que se imagina é justamente no intuito de colher o melhor resultado por área plantada. Isto traz resultado, isto traz lucro para o produtor.

 

*Flávio Marques

Eng.Agrônomo,

Diretor Executivo da Geração Agro

Check Also

Banco CNH Industrial promove iniciativas para alcançar a equidade de gênero

Objetivo é fortalecer o papel das mulheres, que representam 48% dos colaboradores da instituição   …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.